Título Honorífico de Cidadão Patense é outorgado pela Câmara Municipal

Dezoito pessoas não naturais de Patos de Minas, de atuação exemplar em prol do Município, receberam a cidadania patense durante sessão solene do Legislativo Municipal.

Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Patos de Minas
09/08/2016 - 16h04

Título Honorífico de Cidadão Patense é outorgado pela Câmara Municipal

O Poder Legislativo de Patos de Minas concedeu a cidadania patense a 18 personalidades não naturais de Patos de Minas, por prestarem relevantes serviços ao Município, destacarem-se pela atuação exemplar na vida pública e particular e/ou desenvolverem ações voltadas para o interesse comum da sociedade patense.

A cerimônia de entrega dos diplomas de Título Honorífico de Cidadão Patense foi realizada na noite da última sexta-feira (05/08), no Salão House Fest, contando com a presença de vereadores, homenageados, familiares, amigos e autoridades. Diversos convidados que não puderam estar presentes enviaram correspondências felicitando os homenageados e destacando, ainda, a importância da honraria.

Na oportunidade, o Presidente da Câmara Municipal, Vereador Bartolomeu Ferreira Ribeiro, deu as boas-vindas a todos, reforçando a significativa contribuição dos agraciados para o desenvolvimento do Município.

O Legislativo Municipal oficializou como cidadãos patenses a senhora Maria Rosa Boareto Magalhães e os senhores Edgardo Maia do Amaral Gontijo; Expedito José Gouveia Brasileiro; Francisco Luís Domingues; Jabes Andrade Campos; Jarbas de Sousa Silva; José Humberto da Silveira; José Ribeiro de Santana; Júlio Cezar Vilela Pereira; Lourenço Augusto Alencar Moreira; Luís Roberto Vieira; Márcio José Machado de Oliveira - Missionário Márcio Santiago; Melchíades Fortes da Silva Filho; Peterson Elizandro Gandolfi; Rafael Oliveira Rocha; Santo Luigi Cappuzzo; Waldemiro José de Lima e Wilson Batista dos Reis Júnior.

A sessão solene também foi marcada pelos pronunciamentos do representante dos homenageados, Coronel Jarbas de Sousa Silva, e do orador oficial da Câmara Municipal na solenidade, Vereador Francisco Carlos Frechiani, respectivamente.

Digno de muitos aplausos e elogios por parte do público presente, o discurso do Coronel Jarbas de Sousa Silva foi iniciado com a frase de Aristóteles, que diz: "A grandeza não consiste em receber honras, mas em merecê-las". Na sequência, o Coronel da Polícia Militar manifestou a sua comoção com a forte simbologia da homenagem e afirmou que o Título representa o reconhecimento de um povo acolhedor, que enche os homenageados de vida e de luz.  Também fez referência ao contexto histórico do surgimento de Patos de Minas, enaltecendo a cidade com inúmeras qualidades. Coronel Jarbas citou, ainda, poema de Machado de Assis, pensamentos de Augusto Coury e passagens bíblicas que demonstram, principalmente, a importância da amizade, da fé e da família na vida em sociedade. Ao final, compartilhou a homenagem com os demais companheiros da Polícia Militar, com a esposa Maria Célia e com os filhos Philipe, Cecília, Letícia e Arthur, a quem declarou grande apreço e orgulho.

Por sua vez, o Vereador Francisco Carlos Frechiani disse que a homenagem é tão somente uma forma de oficializar o que, de fato, todos os patenses já reconhecem: o amor e a dedicação que cada pessoa homenageada tem por Patos de Minas e por sua gente. Segundo Frechiani, Patos de Minas se desenvolve exatamente pela pujança e pela força de trabalho de seu povo, sejam daqueles que vem em busca de oportunidades, por dever de ofício e/ou para estudar. Ao fazer uma referência pessoal sobre cada agraciado, o Parlamentar destacou a importância de todos para a construção de uma comunidade mais justa, igualitária e solidária. Por fim, em nome do povo de Patos de Minas, manifestou a alegria em receber os novos conterrâneos, agradecendo-os pela presença.


  • Galeria
  • Galeria
  • Galeria
  • Galeria
  • Galeria