Senar leva práticas saudáveis para a cozinha

Foram 40 horas de curso e muitas receitas deliciosas.

24/10/2014 - 14h12

Senar leva práticas saudáveis para a cozinha

Dizem por aí que comida boa se come com os olhos... Mas, depois de participarem do curso de Planejamento de Cardápios do Senar, cozinheiras de Presidente Olegário- MG aprenderam que além de bonita a comida tem que ser saudável.

Neste curso o principal objetivo do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural é ensinar a planejar cardápios usando alimentos dos diversos grupos, mas, o curso também trabalha o valor nutricional, seleção da matéria prima, armazenamento, higienização, organização do ambiente de trabalho, segurança no trabalho e assuntos de meio ambiente. “Preparar uma boa comida depende também de uma boa harmonia no local de trabalho, por isso abordamos muitos outros assuntos para, só depois, partir para prática, que é a preparação da comida.”, esclarece a instrutora Maria Mirtes.

A atividade foi solicitada por funcionárias da Cozinha Comunitária do município.  “O Senar nos ajudou muito ao oferecer esse curso. Aprendemos um cardápio diferente, e o mais importante, a preparar todas as receitas com pouca gordura. Os boias-frias que compram comida aqui na Cozinha Comunitária trabalham muito, e precisam de comida boa e saudável”, completa a cozinheira Maria Conceição da Silva Costa.

Todos os métodos ensinados pela instrutora do Senar aumentaram a qualidade das refeições feitas na Cozinha Comunitária, que é um projeto da prefeitura de Presidente Olegário. “A qualificação das cozinheiras vai beneficiar muito os trabalhadores que precisam dessa comida”, completa a mobilizadora do Sindicato dos Produtores Rurais de Presidente Olegário, Iolanda Araújo Corrêa.

“Mudar os maus hábitos de alimentação passa pelas mãos de nossas cozinheiras. Cursos como este ajudam no entendimento de que um cardápio saudável inicia-se na manipulação higiênica de alimentos, balanceamento nutricional e muito bom gosto, para ao final, uma bela e saudável refeição ser colocada à mesa”, comenta o gerente regional do Senar Minas, Sérgio de Carvalho Coelho.

Foram 40 horas de curso e muitas receitas deliciosas. Depois de aprender tanto, as cozinheiras aproveitaram a melhor parte: a degustação!

Fonte: Assessoria de Comunicação do Senar de Patos de Minas